Com espetáculo digno da Broadway, Michel Teló encanta em musical ‘Bem Sertanejo’

(foto: Deivid Correia)

Por Diana Christie, colaborando com o F5 Sertanejo / Fotos: Deivid Correia

De tirar o fôlego. Assim pode ser descrita a gravação do musical ‘Bem Sertanejo’, estrelado pelo cantor Michel Teló. De Mato Grosso do Sul para o mundo, o artista nos convida para uma viagem no tempo pela história da música caipira, temperada com muito bom humor, canções que marcaram época e, claro, saudades à gosto.

Rio de Janeiro, terra do samba e do funk, é quase inacreditável como Teló conseguiu lotar o Theatro Municipal, cenário de gravação do primeiro DVD do projeto. Um espetáculo para todas as idades, o musical prova que não é preciso gostar de sertanejo para admirar a obra-prima que é construída no palco, cena a cena, por Teló e sua companhia de atores.

Da chegada dos bandeirantes ao interior brasileiro à consagração do gênero musical na atualidade com artistas como Gusttavo Lima e a dupla Henrique e Juliano, o espetáculo trabalha com a interpretação das letras das canções e flerta com os mitos criados em torno da cultura caipira.

(foto: Deivid Correia)
(foto: Deivid Correia)

É de morrer de rir encenação sobre as histórias de pescador, onde cada ator em cena cria uma história mais mirabolante que o outro até com a inclusão de um urso aparecendo em pleno Pantanal. E é no ritmo de comédia e ingenuidade lúdica, que a apresentação mostra a influência das transformações sociais na música e valoriza a cultura caipira.

Tudo é acompanhado de um cenário espetacular, com árvores e céus que parecem ter saído de Abaporu, um dos quadros mais importantes do modernismo brasileiro, pintado pela talentosa Tarsila do Amaral. Cada detalhe passa uma mensagem, com mudança não apenas no figurino como também nas luzes e projeções que mostram a passagem do tempo.

Mas e a música? Teló é cantor e eu quero ver ele cantar! Sim, não faltam músicas emocionantes, com algumas interpretações singelas e outras glamorosas, canções de sucesso entre todas as gerações e outras não tão conhecidas assim. E nessa parte, a plateia também é parte do espetáculo e, em vários momentos, canta junto dos atores.

Se para o público mais familiarizado com a música sertaneja, clássicos como Tocando em Frente, de Almir Sater, e Romaria, de Renato Teixeira, são garantia de muita emoção e talvez algumas lágrimas, a galera mais jovem pode vibrar com os hits atuais e canções que embalaram a década de 90 e são presença certa em todo repertório sertanejo atual.

E quando chega a representação do especial A.M.I.G.O.S, show especial apresentado por Chitãozinho e Xororó, Zezé di Camargo e Luciano, e Leandro e Leonardo, nas telas da Globo, bate aquele friozinho na barriga, seja da nostalgia revivida no palco, seja naquele medinho de ver o espetáculo chegando ao fim.
Mas as surpresas não param. Única mulher em cena, a atriz Lilian Menezes faz um discurso emocionado sobre o machismo presente em algumas canções e aponta o dedo para a baixa representação feminina no cenário musical do sertanejo. Com beleza magistral ela então encarna Roberta Miranda, em grande homenagem à desbravadora do gênero no país.

(foto: Deivid Correia)
(foto: Deivid Correia)

Talvez nesse ponto, você sinta falta de destaque a grandes artistas como Marília Mendonça, Maiara e Maraísa, e Simone e Simaria, que expandiram o alcance da música sertaneja no país cantando e escrevendo canções para mulheres, com novo ponto de vista sobre as relações humanas. Mas a ausência é compreensível considerando o quão recente é o fenômeno.

O grand finale é estrelado por Michel Teló, que deixa a caracterização de lado e se apresenta como exemplo real de sucesso. Do estouro do hit Ai, Se Eu Te Pego aos sucessos mais atuais, o sertanejo mostra que é um artista completo, se aventurando em novos caminhos. Tudo sem esquecer das origens e agradecer a Mato Grosso do Sul.

Enquanto o DVD não é lançado, é possível acompanhar o final da turnê do musical pelo Brasil. Nos próximos dias, Teló e sua companhia de atores se apresentam em Brasília (DF), Belo Horizonte (MG) e Ribeirão Preto (SP). A agenda completa com horários e locais dos shows você confere no site do cantor: http://www.micheltelo.com.br/

4 thoughts on “Com espetáculo digno da Broadway, Michel Teló encanta em musical ‘Bem Sertanejo’

  1. Fantástica reportagem, eu confesso sou fã da música sertaneja!! E saber de um evento desse, fica sempre um “que” de quero participar!! Parabéns Diana Christie traduziu bem a emoção do espetáculo!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *